terça-feira, outubro 19, 2010

Machete (2010)



Finalmente! Depois de muita espera, vi o (por mim) tão aguardado Machete (2010)! 

Incapaz de aguentar mais de um mês para o ver nas salas de cinema, assim que o tive nas minhas mãos não perdi tempo! Os que não fazem ideia do "porquê" para tanto hype à volta deste filme podem ler aqui uma explicação mais detalhada do "conceito" por detrás desta longa-metragem. Caso não tenham paciência para tal, digo-vos apenas que este trabalho ganhou "corpo" graças a um trailer fictício muito popular, integrado no projecto Grindhouse de Tarantino/Rodriguez. Esse trailer conta com Danny Trejo, que em Machete têm o seu primeiro papel enquanto protagonista, o que só por si é um prémio pela sua vasta carreira, sempre na sombra de nomes conhecidos (principalmente no "ramo" de acção).

Em Machete temos a continuação de uma homenagem prestada no projecto Grindhouse aos filmes de "categoria B", tendo sido explorados detalhes mais técnicos como o som/imagem, passando pelo grau de representação e diálogos forçados (com os melhores clichés que existem) e pelas cenas excessivas de acção (que de tão ridículas que são - propositadamente - são divertidas de se ver) e mulheres nuas! No fundo é uma sátira, muito como o filme Black Dynamite (2009) - que tanto gosto de falar - onde a diferença é que "BD" aborda os filmes denominados como black exploitation (ex. Shaft) dos anos 70!

Algo que para mim é fantástico relativamente ao making deste filme, é a criação de um elenco que mistura estilos variados assentes em diferentes categorias e estatuto. Numa narrativa liderada por Danny Trejo, seguem-se actores como Steven Seagal, Robert De Niro, Jessica Alba, Michelle Rodriguez, Jeff Fahey (adoro este gajo!!), Don Johnson (Miami Vice), Lindsay Lohan, Cheech Marin... Um ensemble cast disposto a fazer um filme recheado de absurdidades que o tornam num projecto muito bem executado. 

Deixem-se levar pela fantasia e os seus exageros propositados, que apenas servem para evocar um estilo cinematográfico, que embora tenha caído em desuso com  tempo, ainda é praticado! E aqui Robert Rodriguez presta-lhe a sua devida homenagem!

Deixo a premissa para o trailer que se segue, mas quero salientar que para melhor compreensão, por favor leiam o meu post sobre a ideia por detrás do filme Machete!



Nenhum comentário: