domingo, janeiro 03, 2010

Expectativas Altas...


...defraudadas...




















À esquerda temos o poster para o filme The Invention of Lying (2009) realizado em par por Ricky Gervais e Mathew Robinson. O filme tem uma premissa bastante interessante. A história parece ser original e divertida. Gervais além de realizar e protagonizar, também escreveu o argumento, algo que a meu ver suscita logo imenso interesse... afinal de contas, estamos a falar do mesmo autor responsável por duas das séries televisivas mais originais e divertidas de sempre (The Office / Extras). O o filme começa bem mas com o decorrer do tempo parece que acabam por se desleixar. A narrativa perde um bocado interesse, as decisões tomadas são as mais fáceis e previsíveis, banalizando por completo este trabalho. O elenco é "simpático" com algumas personalidades de que gosto bastante como Rob Lowe (hilariante), Johan Hill, Tina Fey, Jeffrey Tambor e o interesse romântico do protagonista, a lindíssima Jennifer Garner... mas é nos cameos que encontramos as maiores surpresas e momentos de diversão (óbvio que não vou denunciar quem são os actores que contribuem). O filme prometia imenso, o trailer deixa água na boca e apesar de ter passado um serão agradável, não posso dizer que esta longa-metragem esteja além do razoável.

À direita, temos o aguardado drama do realizador Nick Cassavettes, responsável por uma outra adaptação de um livro que se tornou um sucesso comercial cinematográfico (The Notebook). O filme chama-se My Sister's Keeper (2009) e é baseado num best-seller de Jeremy Leven com o mesmo nome. Achei o filme um fracasso tendo em conta as minhas expectativas. As cenas dramáticas são demasiadas, todas elas a puxar pela lágrima que no meu caso não surgiram porque achei tudo demasiado forçado. A representação a meu ver ficou muito aquém do que esperava. Via neste filme uma oportunidade para Cameron Diaz se revelar como actriz mas confirmou apenas o facto de que, embora tenha alguma qualidade, não tem o estofo das grandes actrizes. Personagens carismáticas para mim só as que foram desempenhadas por Jason Patric e Alec Baldwin, num filme onde tudo foi trabalhado para "amar-mos" até à exaustão quase todas as personagens envolvidas. Don't get me wrong... eu sou fã de filmes lamechas. A sério que sou. Mas é preciso haver alguma perícia in the making e penso que aqui não é o caso. Fiquei extremamente desiludido porque criei expectativas altas pelo trailer, elenco e muito também pela Cameron Diaz que esperava uma performance reveladora. Enfim... secalhar fica para uma próxima.

Nenhum comentário: