sábado, janeiro 29, 2011

Intacto (2001)



Foi  durante uma Jim Jam Session (recentemente mencionada aqui) que me foi apresentada esta longa-metragem de Juan Carlos Fresnadillo, conhecido maioritariamente pelo seu filme 28 Weeks Later (sequela de 28 Days Later, realizado por Danny Boyle).

Intacto (2001) é um thriller de produção espanhola com Leonardo Sbaraglia, Eusebio Poncela, Mónica López, Antonio Dechent e Max von Sydow.

O filme, na minha opinião, consegue ser bastante ilustrativo da capacidade técnica e criativa de nuestros hermanos, fugindo do paradigma "contemporâneo" criado por Almodóvar, que acaba por ser o expoente máximo do cinema  Espanhol.
Não lhe querendo tirar o mérito, a verdade é que isto não se deve única e exclusivamente ao seu  (enorme) talento, mas também à falta de conhecimento das pessoas.
Essa falta de conhecimento pode derivar de vários factores... falta de recursos, fraca equipa de marketing/relações públicas ou simplesmente pouca demonstração de interesse.


Seja como for, espero que com este filme possa ajudar (quem lê o blog) a expandir horizontes e a dedicar um pouco do seu tempo (provavelmente) ao desconhecido.

Numa história (e o conceito que leva esta a se desenvolver) que prima pela originalidade na forma como faz abordagem ao espiritual/mágico, aqui referem-se à "sorte" como "moeda de troca", transferível entre pessoas (passível de transportar a narrativa para o campo do bizarro).
Se isto só por si não é suficiente para captar a vossa atenção, então  deixem-me  salientar a grande prestação do veterano sueco Max von Sydow, o elemento mais ressonante de todo Intacto.
É simplesmente maravilhoso ver este homem representar em tão boa forma!

Nenhum comentário: