quarta-feira, janeiro 19, 2011

No One Knows About Persian Cats (2009)



Não sei como definir a grandeza deste filme! É uma tarefa ingrata pois tenho plena noção que por muito que me esmere, não vou conseguir fazer verdadeiramente jus a esta obra de arte iraniana!

Realizado por Bahman Ghobadi, No One Knows About Persian Cats (2009) procura expor ao mundo as dificuldades correntes que o Irão atravessa, de um âmbito social e politico, usando a música como principal veiculo  na manifestação do controlo e censura praticada relativamente à expansão artística.

Essa exposição acontece através do acompanhamento feito a Ashkan e Negar, dois músicos visados pelas restrições culturais da sua terra de Tehran. Como consequência disto, procuram a todo o custo abandonar o País de forma a seguir os seus sonhos, que passam principalmente pela possibilidade de fazerem a sua própria banda indie rock, algo que peremptoriamente reconhecem ser um processo complexo.
Dadas as circunstancias, procuram o auxilio de Nader (francamente a melhor personagem do filme), um pseudo produtor e entusiasta musical com vários conhecimentos no mercado negro.

Ingressamos numa debandada pelo Irão à procura daqueles dispostos a arriscar as suas vidas em nome da música, insurgindo-se assim contra aqueles que se opõem à liberdade de expressão. Nesta travessia damos-nos conta daquela realidade acerrimamente miserável em que a juventude iraniana vive, oprimidos por um governo que não tolera mudança.

Bahman Ghobadi (o realizador) aposta numa conduta pragmática, ao acompanharmos os protagonistas num formato que muitas vezes mistura o documentário com o videoclip. Através de vários segmentos musicais fazemos uma incursão por vários estilos, todos eles (naquele País) associados ao conceito underground, devido à sua proibição.

Tendo o indie como maior referência, este género reparte os dividendos com outras categorias... desde o Jazz (ouvi uma sessão de guitarra ao estilo de John Scofield ou Pat Matheny), Metal, Rap (um dos "clips" mais fortes de todo o filme) e até electrónica (e quem diria?! Gostei!)! Projecto puramente ecléctico...

Pontos fortes:

- Uma boa história que mais do que entreter, serve como campanha para alertar as pessoas da situação que o Irão vive, porque "No One Knows About The Persian Cats"
- Banda-Sonora de luxo (brevemente com direito ao seu próprio post)
- Inovação na forma como passam a mensagem
- Aproveitamento de um elenco composto na maioria por músicos reais e não actores
- Conjugação de momentos para todos os gostos... Musicais, dramáticos, cómicos

Justo alvo de reconhecimento global e vencedor no Festival de Cannes 09 (Special Jury Prize), No One Knows About Persian Cats é monumental!




Nenhum comentário: